Pecuarista, você está dando atenção à gestão da sua equipe?
Bela Magrela
21.09.21

Ao pensarmos na gestão de uma fazenda, as preocupações são, na maioria das vezes, relacionadas à índices zootécnicos e agrícolas, produtividade e mercado.

Entretanto, tão importante quantos indicadores, produtividade e a movimentação do mercado, a gestão de pessoas merece a atenção especial dos pecuaristas.

Sem o alinhamento correto entre a liderança da fazenda e a equipe, a realização de serviços essenciais para o bom andamento dos negócios fica comprometida, seja em uma empresa rural ou em qualquer outro segmento de atuação.

 

O que é gestão de pessoas?

Parece ser complicado, mas sua definição é simples.

Gestão consiste em ir além de uma relação de comunicação entre pessoas. É necessário entender o que o colaborador precisa para desempenhar o papel que você espera. Após traçar o panorama, são necessárias ações para atingir objetivos.

Fazendo uma analogia com o campo: para termos altas produtividades numa produção de milho, é necessário realizar diversos manejos como: adubação de plantio e cobertura, controle de daninhas e pragas, além do acompanhamento da umidade do grão para colheita no ponto ótimo.

Não podemos esperar que, ao ignorar ou descuidar de alguma etapa desse processo, a lavoura se desenvolva e atinja altas produtividades.

Assim, como é possível cobrar um desempenho de excelência de seu colaborador sem prover os recursos para tal?

 

Benefícios da gestão bem realizada

Ao falar de gestão de pessoas, alguns pontos são extremamente necessários para um bom funcionamento das atividades porteira adentro:

  • Motivação

 É preciso motivar os colaboradores. Um funcionário motivado trabalha de modo mais eficiente e engajado. A motivação pode vir através de cursos oferecidos, bonificações de acordo com o desempenho, conversas motivacionais, entre outros aspectos.

  • Comunicação

 Uma comunicação sem falhas é fundamental em qualquer relação, seja ela profissional ou não.

Manter os canais de comunicação abertos e a clareza na transferência de informação com a sua equipe, auxiliará na construção de confiança entre você e o colaborador.

Por mais claro que pareça, o óbvio precisa ser dito, uma vez que diferentes pessoas terão diferentes entendimentos sobre um mesmo assunto, portanto, comunicar com a maior clareza possível evita possíveis mal entendidos.

  •  Diferenças

 Entender que há diferenças entre os colaboradores é essencial. Assim, a gestão tem de atuar de forma a compreender e extrair o melhor de cada colaborador, observando suas características e habilidades pessoais, estimulando qualidades e auxiliando nas fraquezas.

  • Capacitação

 Ao capacitar seus colaboradores, seus níveis de desempenho aumentam, sempre considerando temas que interessam e tragam benefícios a todos os envolvidos.

  • União de equipe

 Esse é, provavelmente, o ponto de maior importância.

É necessária uma convergência entre o pensamento e a motivação dos colaboradores e as propostas da empresa rural, assim as atividades serão vistas como complementares, colaborando para o bom funcionamento da fazenda.

  •  Liderança

 Para que tudo ocorra da melhor forma possível, à frente da equipe deve estar um líder e não apenas um chefe, ou seja, alguém que auxilie e inspire os colaboradores.

Com esses aspectos desenvolvidos e firmados na rotina da fazenda, as atividades tendem a fluir com maior facilidade, de forma mais precisa e eficiente.

 

A gestão de pessoas elimina conflitos e melhora o desempenho da fazenda!

A utilização de métodos de gestão de pessoas agrega melhorias para as fazendas e seus colaboradores, eliminando conflitos, melhorando o desempenho e trazendo consistência às rotinas de trabalho, colaborando com o atingimento dos melhores resultados.

O acompanhamento diário pelo gestor é imprescindível, pois só assim é possível manter o desenvolvimento contínuo e sólido da equipe.