Page 56 - Minerva Foods | Relatório de Sustentabilidade 2016
P. 56

Pecuária
SUSTENTENTÁVEL
 A Minerva Foods enfrentou e venceu, em 2017, os desafios de um cenário conturbado, procuran- do maior aproximação com seus fornecedores. As carteiras comerciais foram reavaliadas para o ingresso de parceiros comprometidos com eleva- dos padrões de sustentabilidade, ao mesmo tempo que, alinhadas à estratégia comercial, foram am- pliadas as ofertas de pagamento à vista e descon- tos. Na reativação da unidade industrial de Mi- rassol D’Oeste (MT) foram adotados os mesmos procedimentos de garantia de bem-estar animal e seleção de fornecedores qualificados.
A capilarização da compra de gado foi o aspecto que concentrou as maiores conquistas do perío- do, direcionando negociações seguras, maior retorno, desenvolvimento e aprimoramento de sistemas internos que valorizaram o capital estrutural da Companhia e, principalmente, a segurança de que os produtos não estão relacio- nados a práticas socioambientais não respon- sáveis. Por meio de auditorias, importantes re- sultados foram obtidos no ano: a porcentagem de compras monitoradas, com base em mapas e perímetros, elevou de 92% para 99%. 103-2 | 103-3
A tecnologia contribuiu para aperfeiçoar o acompanhamento e controle das compras. Com base em um sistema denominado QLIK, análi- ses de dados que demoravam de um a dois dias para serem feitas ganharam agilidade em razão de o recurso permitir a verificação de diversas informações, como o perfil do gado fornecido e a frequência de vendas para a Minerva.
A Companhia participa do Grupo de Trabalho da Pecuária Sustentável (GTPS), uma mesa- redonda de carne sustentável no Brasil. Atua, assim, sob rigorosos critérios de originação de matérias-primas para assegurar que seus forne- cedores cumpram diretrizes que rejeitam traba- lho infantil e análogo ao escravo, violência no campoeconflitosagrários,exploraçãodeáreas embargadas, unidades de conservação, áreas de proteção e terras indígenas e desmatamento no Bioma Amazônia. O monitoramento geoespa- cial desse bioma é feito desde 2010, e, em com- plemento, são mantidas consultas à Fundação Nacional do Índio (Funai) e ao Instituto Chi- co Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), que fornecem informações atualiza-
 56




























































































   54   55   56   57   58